Estrabismo/albinismo

Estrabismo e albinismo ocular

Estudos de pacientes com S.A demonstram que a incidência de estrabismo se dá em 30-60% dos casos. Este problema parece ser mais comum em crianças com hipopigmentação ocular, dado que o pigmento da retina é crucial para o desenvolvimento normal das ramificações do nervo óptico. O tratamento de estrabismo em S.A é similar ao de outras crianças: acompanhamento pôr um oftalmologista, correção de qualquer déficit visual, e quando seja apropriado, óculos ou cirurgia dos músculos extraoculares. As atividades hipermotoras de algumas crianças S.A fazem que seja difícil o uso de tampões e óculos.